domingo, 10 de maio de 2009

Dia da Europa no Portugal Profundo

Trás-os-Montes no mapa das comemorações
Escola EB 1 de Argemil da Raia - Chaves

video

Europe Day Journée de l'Europe
Flores colhidas pelos alunos no campo
Pela primeira vez foi comemorado o Dia da Europa na Escola primária de Argemil, concelho de Chaves. Pelo facto de o dia 9 de Maio ser num Sábado antecipou-se a comemoração para a véspera.
O Jornal Escolar Digital do agrupamento de escolas Nadir Afonso faz referência ao festejo na Escola de Argemil







A comemoração do Dia da Europa na escola B1 de Argemil da Raia, frequentada por crianças das aldeias de São Vicente, Travancas e Argemil, foi a primeira e será a única porque a escola será provavelmente fechada no próximo ano lectivo devido ao insuficiente número de alunos. Antigamente cada uma das aldeias tinha a sua própria escola frequentada por dezenas de crianças.



As aldeias, a exemplo do que aconteceu por todas as outras de Trás-os-Montes e Alto Douro, despovoaram-se nas últimas décadas. Primeiro foi a emigração a levar muitos dos melhores filhos na idade em que podiam produzir riqueza. Agora é a quebra da taxa de natalidade a provocar a sangria populacional. Perdendo a sua maior riqueza e motor de desenvolvimento, as aldeias e toda a região estão a hipotecar o seu futuro sem que os poderes publicos tomem medidas drásticas para inverter a situação.






A escola só tem uma sala de aula. No átrio de entrada foi montada uma exposição com material informativo relativo às instituições europeias e às eleições de 7 de Junho para o Parlamento Europeu. Todo esse material, incluindo canetas, blocos de notas, réguas e bolas de praia, foi fornecido pelos gabinetes de representação do Parlamento Europeu e da Comissão Europeia em Lisboa.






A professora Glória com alguns dos alunos





Parte das brochuras, incluindo uma com um CD sobre o Parlamento Europeu, destinou-se a ser entregue aos pais e encarregados de educação.




A colega Alice, depois de breves palavras para justificar às mães o convite para participarem na comemoração do Dia da Europa, interrogou os alunos sobre conteúdos relacionados com a União Europeia e constantes numa ficha de trabalho. Os meninos sabiam tudo, incluindo o nome completo do presidente da Comissão Europeia! Não erraram nada, uma maravilha!




Aula sobre os símbolos da União Europeia

A União Europeia, enquanto entidade política, dotou-se de cinco símbolos que a identificam perante as nações do mundo inteiro: a bandeira azul com 12 estrelas amarelas; o Hino da Alegria de Bethoven; o lema “unida na diversidade”; a moeda europeia, o euro; e o Dia da Europa para festejar o nascimento oficial do processo de unificação europeia, iniciado em 9 de Maio de 1950 com a Declaração Schumann.




Sobre os símbolos europeus falei eu, adaptando a informação da postagem feita anteriormente no blogue. Para ver esse conteúdo clicar aqui.





Prendendo as bandeiras ao baraço para os alunos as hastearem. Tinha conversado com as professoras na Páscoa sobre a comemoração do Dia da Europa na escola, ideia que elas receberam com agrado porque a actividade se integrava nos conteúdos programáticos e na relação da escola com o meio.

Voltei à escola três dias antes da data comemorativa. Apesar de o tempo ser escasso para realizar o evento, as professoras esmeraram-se na preparação dos alunos e no convite aos encarregados de educação para comparecerem à cerimónia. Por motivos inadiáveis apenas faltou uma para fazer o pleno!

A professora do jardim de infância a ensinar os alunos a hastear as bandeiras. Só havia um mastro para duas e não tinha fio. Foi o senhor Gustavo, presidente da Junta de Freguesia de Travancas, a que pertence a aldeia de Argemil da Raia, a oferecer-se para o comprar em Chaves e colocá-lo no mastro.




A acompanhar o hastear das bandeiras foram cantados os hinos de Portugal e da União Europeia. Estranhei quando ouvi cantar A Portuguesa. O Hino da Alegria veio logo a seguir e percebi que o portuguesismo está bem enraizado, o que alias não deixa de ser salutar.
Ao grupo juntou-se o senhor padre Delmino, pároco de várias paróquias das redondezas. Foi convidado quando passava diante da escola, vindo de rezar a missa em honra de São Miguel, padroeiro de Argemil da Raia e cuja festa se realiza no Domingo mais próximo do dia 8 de Maio. Todavia, este ano, por impedimento da mordoma, realiza-se a 17 de Maio.




Para o fim da festa do Dia da Europa estava reservada uma agradável surpresa. As professoras pediram às mães para levarem comida para um lanche. Elas foram impecáveis, deixaram os seus afazeres domésticos e foram à escola, marcando não só a sua presença mas levando doces, bolos, bolachas, bebidas, presunto, salpicão e chouriços.



As professoras também pediram às mães para vestirem as crianças de azul e amarelo, as cores da bandeira europeia. É claro que nem todas puderam ir assim vestidas porque não teriam em casa t-shirts amarelas.







Imperou a boa disposição na conversa do senhor padre Delmino com mães e encarregadas de educação.

E a manhã primaveril terminou em festa. Meninos a brincar no recreio com as bolas oferecidas pelo gabinete do Parlamento Europeu


A educadora de infancia, Manuela Gouveia, na sua missão de vigilância e de acompanhamento das crianças.


2 comentários:

Sofia luis disse...

Boas stor, ja nao vinha aqui há imenso tempo, vejo que continua com o seu blog e a comentar os ´vários acontecimentos!

Felicidades sofia luis

euroluso disse...

Olá, Sofia!
Que alegria vê-la por aqui! Espero que os seus estudos na faculdade estejam a correr bem.
Um abraço
Professor de Sociologia